CHEFE OU LÍDER?

Publicado por

Para empreender é necessário desenvolver muitas habilidades e competências e em algum momento da sua jornada você terá que se posicionar como Chefe ou Líder.  Para tomar esta decisão se faz necessário conhecer um pouco mais sobre o que a literatura empresarial apresenta.

Existem polêmicas e discussões em cima deste tema e nomenclatura.

Particularmente eu tenho uma posição bem despojada sobre este tema, acredito que na maioria das vezes definições enigmáticas buscam o  “sexo dos anjos”.

Sou muito prática e voltada para o objetivo ‘nobre’ das coisas, o que já demonstra uma forma de liderança ou chefia, mas para o bate papo rolar vamos reconhecer primeiro o que diz o dicionário:

Segundo o dicionário, o líder é a pessoa que exerce influência sobre os comportamentos, os pensamentos ou as opiniões dos outros. 

Segundo este mesmo dicionário por definição o chefe, é um funcionário ou empregado que dirige um serviço, um diretor.

Dentro desta perspectiva que eu gosto muito, fica claro que “a pessoa que tem o poder/emprego é o CHEFE e pronto”, pois é um cargo, mas a forma como irá desenvolve-lá. Neste recorte entra em cena a liderança.

Ai complicou…

Pesquisei diferentes artigos e conteúdos para fazer algo enxuto, prático e simples. Conteúdos e definições que não auxiliam à prática, na minha opinião não servem para nada, não é?

Donald H. McGannon, que foi um dos grandes executivos e líderes da TV americana e ele tem uma frase que adoro e aprovo em gênero, grau e número.

“Liderança é ação, e não posição.” 

Ainda assim, vamos analisar um pouco mais:

Para exercer uma função exitosa enquanto líder é necessário trabalho e um conjunto de habilidades e competências que o mercado e pessoas pedem.

Algumas máximas como: “eu mando e você obedece”, “manda quem pode, obedece quem tem juízo” ou ainda “o dono da porra toda”, precisam ser revisadas e tratados de forma estratégica dentro do OBJETIVO NOBRE e sobretudo com foco nas pessoas.

Mudar o modelo mental para ‘juntos somos fortes”, “duas cabeças pensam melhor que uma” ou ainda “a união faz a força” podem fazer muita diferença nos resultados.

No entanto, esta migração não é fácil, pois somos pessoas com crenças, conceitos e pré-conceitos estabelecidos e lidamos o tempo todo com pessoas. Cada pessoa tem uma maneira de pensar, de se motivar, de entender, de inspirar-se enfim somos complexos, e buscamos sempre uma “perfeição” que talvez nunca chegará.

É incontestável que o caminho apresentado para uma liderança exitosa é a humanização dos processos para crescer, expandir e prosperar. Um olhar para o capital humano, presumindo ser este o maior patrimônio das empresas é o segredo dos lideres vitoriosos.

Então, se você deseja ser um chefe/líder conheça de perto o seu perfil.

Primeiramente vamos conversar sobre as Teorias da Liderança e posteriormente sobre os Tipos de Lideres e ainda deixarei dicas para a sua caminhada de Líder de Sucesso . 

TEORIAS DA LIDERANÇA

Situacional;

Traços;

Comportamento;

Estilo de Decisão;

Atribuição;

Carisma;

 

Teoria Situacional – aquele que tem a capacidade de se adaptar às mais variadas situações numa empresa. Este líder deve ter em seu perfil o conhecimento profundo de todo o processo interno de sua empresa e equipe e age de forma assertiva em cada situação, buscando sempre a solução imediata dos problemas.

Teoria dos Traços – esta teoria defende que alguns líderes já nascem prontos com traços que apontam que eles possuem a competência nata para liderar. Acreditando nesta teoria, este líder deve ter estes três traços que são fatores essenciais para isto como: inteligência; aspectos físicos e personalidade. 

Teoria do Comportamento – desconstrói o que o de cima falou, pois acredita que liderança pode ser aprendida a partir de treinamento, desenvolvimento e aprendizado dos comportamentos essenciais para esta função. Com este olhar pode-se afirmar que a liderança pode ser direcionada para resultados ou para a convivência por exemplo.

Teoria dos Estilos de Decisão – esta teoria é a mais popular de todos que distingue a liderança em três modelos como: autocrático, democrático e liberal. 

Teoria da Atribuição – altamente democrática, pois é escolhida pelas pessoas e não pela empresa.

Teoria do Carisma – o que importa aqui é o carisma para cativar e influenciar as pessoas ao seu entorno.

Uma explanação simples e enxuta apresenta a complexidade e amplitude do assunto. Após a leitura desta rápida explanação, espero que tenha identificado qual a teoria você mais gosta ou qual a teoria você mais acredita. Ao final deste artigo, vou deixar uns lnks para você.

Tipos de Liderança e qual delas você acha a mais efetiva? 

TIPOS DE LIDERANÇA

  • Autocrático;
  • Democrático;
  • Liberal;
  • Especialista;
  • Autocrático

Neste modelo, a liderança é pautada ‘MANDA QUEM PODE, OBECECE QUEM TEM JUIZO’.

 “O Diabo Veste Prada” é um ótimo exemplo desta liderança onde as decisões são solitárias e todo o resto é pautado no medo e possivelmente o responsável pelo TURNOVER (taxas de rotatividade voluntária) das empresas. Infelizmente ainda é um tipo de liderança muito utilizado nas empresas onde os resultados estão acima de tudo e de todos.

  • Democrático

Atua de forma oposta ao exemplo acima. Este modelo inclui a equipe na gestão inclusive no processo decisório.

Além de envolver a equipe no processo, consulta a opinião da equipe, solicita ideias, dá e recebe feedbacks e proporciona um espaço para inovações e mudanças. 

Valoriza a qualidade de vida no trabalho, faz uma boa gestão do clima organizacional. 

No entanto é necessário estipular papéis para que haja organização, disciplina e consequentemente impactos positivos.

  • Liberal  

É um estilo de liderança que deve ser pautado na maturidade das equipes. Com uma liberdade maior, funciona como um consultor ou facilitador do processo, delegando e alinhando funções e tarefas a serem cumpridas.

Para que funcione é necessário um conhecimento profundo da equipe e este conceito deve fazer parte da cultura organizacional da empresa. A equipe deve ter membros comprometidos e com capacidade de autogerenciamento .

Apesar de parecer um sistema maravilhoso, demanda muita organização do líder e sobretudo um acompanhamento próximo para que a produtividade não caia e que a liberdade não seja confundida com desorganização.

  • Especialista

Liderança pautada no  know-how, mas também demandará do líder um esforço para conduzir e liderar sua equipe, pois somente o conhecimento técnico não irá garantir o seu sucesso.

Nossa, quanto coisa para pensar e estruturar.

Já falamos nas teorias da liderança depois conhecemos um pouco sobre os tipos de liderança e agora chegou a vez de usar estas teorias e tipos de liderança para um bom resultado dentro das empresas.

COMO VOCÊ QUER LIDERAR?

Ser uma pessoa carismática e motivadora é uma boa maneira de liderar uma equipe, atitudes, energia positiva, humildade e otimismo podem contagiar e mover equipes para um bom resultado. 

Do outro lado, temos os números e indicadores e identificar os méritos dos que se esforçaram mais é extremamente justo e ai aparece fortemente a Meritocracia. 

Bem, então tenho que ser um  Líder Coach, identificando o perfil da minha equipe, treinando,  descobrindo habilidades emocionais, técnicas e comportamentais?

Uau! Complicado, não é mesmo…

Na realidade, “se correr o bicho pega, se ficar o bicho come”.

Então talvez a melhor maneira de exercer uma boa liderança seria a “Situacional Humanizada” entendendo e resolvendo um cenário de cada vez dentro da necessidade ora do mercado ora da pessoa.

Lembre-se sempre que “Liderança é ação, e não posição” 

DICAS PARA TE AJUDAR A SER UM BOM LIDER

Escute mais, fale menos;

Transparência e honestidade em todos os processos;

De exemplos;

Aceite feedbacks;

Dê feedbacks;

Valorize sua equipe;

Crie uma relação de confiança;

Dívida tarefas claras e angústias; 

Cobre da tarefa e não a pessoa;

Utilize o seu “poder’ de líder quando for necessário em função dos seus objetivos, utilize de maneira estratégica;

Bem, ser líder ou chefe é apenas uma questão de como você se posiciona perante a sua equipe. Existe uma linha muito tênue que deve ser levado em consideração em todos os momentos.

Liderar nunca foi tarefa fácil e cada dia se torna mais complexo e delicado. 

Acredite que quando estiver em uma posição de liderança você somente ESTÁ e a qualquer momento pode NÃO ESTAR mais, então lidere com respeito, empatia, foco, paixão e sobretudo com transparência, desta forma você estará construindo uma carreira exitosa e abrindo  suas portas para onde  passar.

Seja um exemplo e mais uma vez LIDERANÇA É AÇÃO!

Rose Jarocki, Msc

Deixe uma resposta